Por Esmael Morais

Roger Waters entra na Justiça para visitar Lula na prisão

Publicado em 26/10/2018


O cantor, compositor e músico inglês Roger Waters, ex-líder da banda Pink Floyd, quer visitar o ex-presidente Lula na prisão antes de ir embora do Brasil.

Waters entrou com um pedido na justiça brasileira para poder visitar Lula, que é preso político desde abril, na superintendência da Polícia Federal, em Curitiba.

Para conseguir a visita, os advogados de Waters afirmaram no documento que ele é reconhecidamente ativista dos direitos humanos e citaram as “Regras de Mandela”.

O astro do rock mundial causou polêmica em São Paulo quando projetou no palco de seu show o “ELE NÃO”.

“Vocês têm uma eleição muito importante daqui a três semanas. Sei que isso não é da minha conta, mas devemos sempre combater o fascismo. Não dá para ser conduzido por alguém que acredita que uma ditadura militar pode ser uma coisa boa”, disse ele na ocasião.

Com informações de Monica Bergamo