Por Esmael Morais

Propaganda eleitoral do 2º turno recomeça nesta sexta-feira

Publicado em 09/10/2018

Os presidenciáveis Fernando Haddad (PT) e Jair Bolsonaro (PSL) ficarão “mano a mano” a partir desta sexta, dia 12, quando recomeça a propaganda eleitoral do 2º turno no rádio e na TV.

Diariamente, os dois terão cinco minutos para detalhar o que pensam sobre economia, emprego e renda dos trabalhadores brasileiros — as verdadeiras preocupações nacionais.

Os programas serão transmitidos de segunda-feira a sábado, em dois horários por dia.

LEIA TAMBÉM
Tudo que você gostaria de saber sobre o 2º turno e nunca teve coragem de perguntar

A propaganda no rádio será das 7h às 7h10 e das 12h às 12h10.

Na TV a propaganda eleitoral será das 13h às 13h10 e das 20h30 às 20h40.

Nos 13 estados e o Distrito Federal, onde também haverá 2º turno, os candidatos ao governo também terão 5 minutos cada um. Por isso o tempo de duração da propaganda eleitoral nesses estados terá 10 minutos a mais, ou seja, no rádio das 7h10 às 7h20 e das 12h10 às 12h20; na TV das 13h10 às 13h20, e das 20h40 às 20h50.

A propaganda eleitoral no rádio e na TV vai até dia 26 de outubro. A eleição do 2º turno será no domingo, dia 28 de outubro.

Abaixo, confira os locais que têm 2º turno:

Amapá
Waldez (PDT) x João Capiberibe (PSB)

Amazonas
Amazonino Mendes (PDT) x Wilson Lima (PSC)

Distrito Federal
Ibaneis (MDB) x Rodrigo Rollemberg (PSB)

Mato Grosso do Sul
Juiz Odilon (PDT) x Reinaldo Azambuja (PSDB)

Minas Gerais
Romeu Zema Neto (Novo) x Antonio Anastasia (PSDB)

Pará
Helder Barbalho (MDB) x Márcio Miranda (DEM)

Rio de Janeiro
Eduardo Paes (DEM) x Wilson Witzel (PSC)

Rio Grande do Norte
Fátima Bezerra (PT) x Carlos Eduardo (PDT)

Rio Grande do Sul
José Ivo Sartori (MDB) x Eduardo Leite (PSDB)

Rondônia
Expedito Júnior (PSDB) x Coronel Marcos Rocha (PSL)

Roraima
Anchieta (PSDB) x Antônio Denarium (PSL)

Santa Catarina
Comandante Moisés (PSL) x Gelson Merisio (PSD)

São Paulo
João Dória (PSDB) x Márcio França (PSB)

Sergipe
Valadares Filho (PSB) x Belivaldo Chagas (PSD)