Ibope jura em nota que não errou tanto assim…

O Ibope mandou nota jurando que não errou tanto assim, como o Blog do Esmael anotou mais cedo.

LEIA TAMBÉM
Em 2014, dono do Ibope deu parabéns para Aécio

No dia 6 de outubro à noite, o Ibope cravou que Requião estava garantido no Senado com 38% das intenções de voto.

“A pesquisa é uma fotografia do momento e não tem o poder e nem a intenção de prever o resultado de uma eleição”, diz um trecho.

O Ibope não só erra como também tenta mudar a vontade do eleitor.

Abaixo, leia a nota do Ibope:

Caro Esmael,

Com relação à sua reportagem de 15 de outubro de 2018 intitulada “Pesquisas erraram em 2014 e continuam errando feio em 2018”, o IBOPE Inteligência gostaria de esclarecer que:

O objetivo da pesquisa eleitoral não é antecipar os resultados da eleição, mas sim o de mostrar o cenário no momento em que foi realizada. A pesquisa é uma fotografia do momento e não tem o poder e nem a intenção de prever o resultado de uma eleição. Por isso, seus resultados não podem ser usados para prever o resultado das urnas.

Mas, se mesmo assim você quiser comparar os resultados, tem de usar os dados mais recentes. Com relação aos resultados de São Paulo, Rio e Paraná, citados em sua reportagem, você deveria ter usado os dados das pesquisas de boca de urna, que foram as últimas a ser realizadas antes do primeiro turno e cujos resultados foram bem próximos aos do TSE.

Atenciosamente,
IBOPE Inteligência
Comunicação Institucional

Comentários encerrados.