Ibope: Bolsonaro cai 2 pontos; Haddad sobe 2

O Ibope mostrou na noite desta terça (23), a cinco dias da eleição, que Jair Bolsonaro (PSL) caiu 2 pontos e Fernando Haddad (PT) subiu 2 pontos em uma semana.

De acordo com o instituto, desde o último dia 15, Bolsonaro oscilou dois pontos porcentuais para baixo (tinha 59%), e Haddad oscilou dois para cima (tinha 41%). As duas variações estão dentro da margem de erro. A vantagem do candidato do PSL caiu de 18 para 14 pontos porcentuais.

Para ultrapassar Bolsonaro, no entanto, Haddad terá de subir 7 pontos até domingo.

Os números consideram apenas os votos válidos, ou seja, excluem os nulos, brancos e indecisos. Levando em conta o eleitorado total, a taxa de Bolsonaro passou de 52% para 50%, enquanto a preferência por Haddad se manteve estável em 37%. Há ainda 10% dispostos a anular ou votar em branco, e 3% que não souberam responder.

A sondagem foi contratada pelo Estadão e Globo por R$ R$ 384.608,00.

Na quinta, dia 25, será a vez do Datafolha abrir a intenção de votos cujo levantamento foi adquirido pela Globo e a Folha por R$ R$ 384.608,00. Também neste dia, a pedido da CUT, o Vox Populi revela os números da corrida presidencial pelo valor de R$ R$ 194.540,50.

Na sexta-feira, dia 26, a Paraná Pesquisas promete dizer quem será o próximo presidente da República, pelo valor de R$ 80.000,00, às expensas da Empiricus/O Antagonista.

Resumo da ópera: debate entre os candidatos pode até faltar, mas as pesquisas…

Comentários encerrados.