Bolsonaro votou contra os trabalhadores na Câmara, denuncia Haddad

Compartilhe agora!

A nova estratégia da propaganda do PT, veiculada no rádio e na TV, pinta Jair Bolsonaro como sendo o cão chupando manga. Segundo o partido de Fernando Haddad, o ex-capitão do Exército votou na Câmara contra os projetos de interesse dos trabalhadores.

LEIA TAMBÉM
Vice de Bolsonaro volta a atacar o 13° salário

O gatilho petista foi puxado com a subida de Bolsonaro nas pesquisas e o temor de o candidato do PSL vencer no primeiro turno. Mas para que a eleição seja resolvida já neste domingo (7) é preciso que os demais candidatos derretam por completo. Hoje o quadro é de 2º turno entre Haddad e Bolsonaro.

Na TV, a campanha de Haddad carimba Bolsonaro: “foi o único deputado que votou contra o fundo de combate à pobreza”, “contra a valorização do salário mínimo” e os “direitos dos trabalhadores na reforma trabalhista de Temer”; maldoso, tudo isso “foi para aumentar o próprio salário, ele votou a favor”.

Assista ao vídeo:

Compartilhe agora!