URGENTE: Justiça Eleitoral censura manifestações contra Bolsonaro

A juíza Francilene Lucena Melo Jordão, da 23a Zona Eleitoral da Paraíba, proibiu a realização da manifestação #EleNão na cidade de Soledade, neste sábado (29). A justificativa é de que o evento está em desacordo com a lei eleitoral.

Nas cidades de Icó (Ceará) e Aquidauana (Mato Grosso do Sul) manifestações similares também foram proibidas pela Justiça Eleitoral.

Nestes casos, a justificativa é de que eventos de campanha de Bolsonaro (PSL) já estavam previstos. Os magistrados afirmam temer o confronto entre os contrários.

Confira o despacho da juíza da Paraíba:

Comentários encerrados.