PDT vai expulsar Osmar Dias após eleição

O ex-candidato ao governador pelo PDT do Paraná, Osmar Dias, deverá ser expulso da agremiação após a eleição de outubro.

A legenda de Carlos Lupi ainda não deglutiu a desistência do irmão de Alvaro a uma semana da convenção pedetista, o que teria ajudado a candidatura de Ratinho Junior (PSD), ex-secretário de Beto Richa (PSDB), na disputa pelo Palácio Iguaçu.

Em virtude de Osmar ter deixado o partido sem lenço sem documento, o PDT marchou em coligação com o MDB do senador Roberto Requião, candidato à reeleição, e de João Arruda, que concorre ao governo do estado.

Comentários encerrados.