Globo censura PT, líder nas pesquisas presidenciais

A Rede Globo declarou guerra ao PT censurando o partido nas coberturas jornalísticas e nas entrevistas.

Nesta segunda-feira (27), por exemplo, o Jornal Nacional dará início às entrevistas de 25 minutos no estúdio.

LEIA TAMBÉM
Lula já venceu a eleição presidencial de outubro, reconhece a mídia

A emissora alega que Lula foi convidado, mas, por estar preso, não poderá participar e “desconhece” que Fernando Haddad (PT) é seu vice e legítimo representante na campanha eleitoral.

A série de entrevistas terá a seguinte ordem: Ciro Gomes, do PDT (segunda-feira, dia 27), Jair Bolsonaro, do PSL (terça-feira, dia 28); Geraldo Alckmin, do PSDB (quarta-feira, dia 29); e Marina Silva, da Rede (quinta-feira, dia 30).

Além do PT, a Globo também censurou Alvaro Dias (Podemos), Guilherme Boulos (PSOL), João Amoêdo (Novo), Cabo Daciolo (Patriota), dentre outros presidenciáveis.

Comentários encerrados.