Ciro Gomes, de volta ao jogo, convida Manuela para vice

O vacilo do PT, que titubeia na formalização já da chapa, poderá lhe custar o PCdoB e recolocar Ciro Gomes (PDT) no jogo presidencial.

A deputada Manuela D’Ávila, do PCdoB, foi convidada para ser a vice na chapa de Lula, mas o PT não quer formalizar o acordo na convenção de hoje. Deseja fazê-lo somente dia 15 de agosto.

O diabo é que isto implicaria na renúncia da candidatura de Manu à Presidência e ficar esperando o PT decidir sobre seu futuro. O PCdoB vê esta estratégia como uma roleta russa e disse que está fora.

Percebendo a dificuldade de os petistas entregar o acordado aos comunistas, Ciro convidou Manuela para ser sua vice. Seria uma reviravolta que deixaria o PT isolado e devolveria o pedetista ao tabuleiro.

Note, caríssimo leitor, que o isolamento dos partidos de esquerda — PT e PDT — é tal que uma aliança com o PCdoB significa “ampliação”.

Nesta guerra de posições no campo da esquerda, o PT também lança ofensiva para que Ciro desista para ser o vice na chapa de Lula. Por isto os petistas querem mais tempo.

Compartilhe agora