Renan prevê “nenhum candidato” derrotando Meirelles; assista ao vídeo

O senador Renan Calheiros (MDB-PR) previu com exclusividade ao Blog do Esmael, nesta terça (17), em Curitiba, que “nenhum candidato” irá derrotar Henrique Meirelles na convenção nacional do MDB no próximo dia 2 de agosto.

Segundo Renan, o candidato a presidente da República é o cargo mais elevado reservado ao partido. O MDB não pode se transformar em legenda de aluguel ou centro de reprodução de inseminação artificial.

O parlamentar explicou ao Blog do Esmael que a candidatura de Meirelles atenderia à estratégia do PSDB, qual seja, da candidatura de Geraldo Alckmin, por diluir a responsabilidade tucana com o desastre do governo Michel Temer.

“Meirelles não é orgânico, não é originário dos quadros do MDB. Se fosse uma candidatura à Febraban e ao banco de Boston, tudo bem. Mas não à Presidência da República”, disse.

“Se o Meirelles for homologado ele dificultará os melhores candidatos aos governos, ao Senado e à Câmara Federal”, afirmou o ex-presidente do Senado.

Renan detalhou ao Blog do Esmael a estratégia do grupo liderado por ele na convenção emedebista: “A ideia é reproduzir 2006, quando a agremiação não apresentou candidato. Na época, o então governador do Rio Anthony Garotinho não passou na convenção nacional e o PMDB ficou sem candidato à Presidência da República.”

Renan Calheiros e um grupo suprapartidário de senadores está na capital paranaense para visita ao ex-presidente Lula. O petista é mantido preso político há 102 dias na carceragem da Polícia Federal de Curitiba.

Assista ao vídeo:

Comentários encerrados.