“PT não vai desistir de Lula”, afirma Gleisi Hoffmann

A presidenta nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann, afirmou neste domingo (15) em Havana que o PT não vai desistir da candidatura do ex-presidente Lula.

LEIA TAMBÉM
Defesa de Lula desqualifica “ação” do MBL que pede “inelegibilidade” do petista

Na capital de Cuba, onde participa do foro de São Paulo, um movimento das esquerdas latino-americanas, Gleisi disse se passaram 100 dias de injustiça com a prisão de Lula. “Qual é a prova? Que crime cometeu Lula para estar preso? A tentativa de soltá-lo com base em uma argumentação justa e correta ficou frustrada. Parte expressiva do judiciário mostrou que tem lado nessa disputa. Politizou o processo”, discursou a dirigente petista.

A presidenta eleita Dilma Rousseff, também em Cuba, garantiu que a candidatura de Lula será registrada no próximo dia 15 de agosto. “Não temos plano B porque Lula é inocente. Não vamos ser os algozes de Lula e retirá-lo da eleição”, afirmou.

Para Dilma, os golpistas não querem Lula participando da eleição de outubro porque ele vencerá a disputa no primeiro turno. “Lula preso é a presença mais forte na conjuntura brasileira. Temos que colocar o projeto de Lula nas urnas”, orientou.

Assista ao vídeo:

Comentários encerrados.