Por Redacao

Greve de fome por Lula Livre começa nesta terça em frente ao STF

Publicado em 30/07/2018


Seis militantes de diferentes movimentos sociais farão um ato extremo em prol da liberdade do ex-presidente e pela consequente retomada da Democracia no Brasil. Eles entrarão em greve de fome, que terá início com um ato em frente ao Supremo Tribunal Federal (STF) nesta terça-feira (31).

É na Corte que tramitam Ações Declaratórias de Constitucionalidade (ADC), que pedem que o artigo 283 do Código de Processo Penal seja considerado constitucional e com isso se proíba a execução antecipada de penas antes do trânsito em julgado. “O caminho para que os seis companheiros saiam da greve passa pela dona Carmen Lúcia criar vergonha na cara, pois ela foi indicada e não eleita, e respeitar a Constituição Federal. Basta colocar algum dos processos em julgamento que os companheiros sairão da greve”, explicou o dirigente nacional do MST, João Pedro Stédile.

Durante a coletiva organizada na tarde desta segunda-feira (30), Stédile apresentou os seis voluntários à imprensa e agradeceu o gesto deles. “Quero agradecer a generosa disposição e espírito desses militantes nesse momento em que colocam em risco suas vidas. Essa é uma causa histórica nesse momento de luta pela democracia e pela justiça no Brasil”, diz Stédile.

*Com informações do Site do PT