Encontro ‘afinou a viola’ entre Alckmin e Paulinho da Força


O pré-candidato à Presidência pelo PSDB, Geraldo Alckmin, se reuniu neste domingo (22) com o deputado Paulo Pereira da Silva, o Paulinho da Força Sindical, para contornar o início de uma crise entre o tucano e o Solidariedade, um dos partidos do Centrão que está fechando uma aliança com o tucano para a eleição presidencial.

Na sexta-feira (20) à noite, Alckmin falou por telefone com Paulinho, depois de ser informado que o Solidariedade poderia sair do acordo com o tucano e negociar um apoio com o candidato do PDT, Ciro Gomes. Motivo: o tucano havia postado em redes sociais que não havia possibilidade de revogar nenhum dos pontos da reforma trabalhista e que não havia plano de trazer de volta a contribuição sindical.

Paulinho da Força declarou após a reunião com o presidenciável tucano, “que os atritos foram desfeitos”. Segundo ele, teria ficado claro que não seria a volta do imposto sindical obrigatório, mas uma contribuição a ser aprovada em assembleia pelos trabalhadores.

*Com Agências

Comentários encerrados.