Por Esmael Morais

Ciro Gomes será homologado sexta-feira candidato à Presidência pela 3ª vez

Publicado em 16/07/2018

O ex-ministro Ciro Gomes já poderá pedir música ao Fantástico, na sexta-feira (20), após a convenção nacional do PDT homologar sua candidatura à Presidência da República. Ele concorrerá ao cargo pela terceira vez (antes, em 1998 e 2002).

A convenção será realizada na sede nacional do PDT, em Brasília.

Ciro luta para sair do isolamento e por isso busca formalizar aliança com o dito “centrão” que reúne partidos de direita (PP, DEM, PR, PRB e Solidariedade). Caso Lula não saia candidato, o pedetista ainda poderá ganhar a adesão do PCdoB.

Na semana que passou, Michel Temer (MDB) destacou seu braço-direito e ministro Carlos Marun (Secretaria de Governo) avisar que os partidos que apoiarem Ciro, automaticamente, perderão seus cargos no governo federal.

O primeiro a cumprir a ordem do Palácio do Planalto foi Gilberto Kassab, do PSD, que fechou com Geraldo Alckmin (PSDB).