Boulos defende Liberdade de Lula e reformas radicais na convenção do PSOL

O PSOL oficializou na tarde deste sábado (21), em São Paulo, o líder do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), Guilherme Boulos, como candidato do partido para a disputa pela Presidência da República. A chapa terá como vice a líder indígena Sônia Guajajara.

Em seu discurso, que foi transmitido ao vivo pelas redes sociais do partido, Boulos tratou de temas como a defesa da reforma urbana, a liberdade de Lula e os direitos civis. Afirmou também que se eleito irá revisar a reforma trabalhista aprovada pelo governo de Michel Temer.

“Primeiro compromisso, e esse é um ponto fundamental para campanha que vamos fazer: revogar os atos desse governo de Michel Temer”, declarou o candidato.

A candidatura do PSOl tem o apoio de vários movimentos sociais, entre eles os sem-teto, coletivos feministas e do movimento negro.

Comentários encerrados.