Ratinho jura que não é homofóbico, tem dúvidas sobre Bolsonaro e defende Temer

Publicado em 3 junho, 2018
Compartilhe agora!

A despeito do vídeo que publicou no começo de janeiro deste ano, no qual afirma que a programação da TV Globo tem “muito veado”, o apresentador Ratinho não se considera homofóbico, diz ter dúvidas sobre o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) e defende arduamente Michel Temer (MDB).

LEIA TAMBÉM
Homofobia do apresentador Ratinho pode atrapalhar candidatura do filho no Paraná

À jornalista Mônica Bergamo, colunista da Folha, o apresentador do SBT disse que “Temer apanha muito, muitas vezes indevidamente” e, utilizando óculos cor-de-rosa analisa que o Vampirão Neoliberalista “segurou o barco e não deixou afundar”.

Sobre Bolsonaro, Ratinho testemunha que o ex-capitão do Exército é um cara sério. “Agora, não sei se ele é o ideal para o Brasil”, põe em dúvida.

Compartilhe agora!