Por Esmael Morais

Michel Temer manterá os criminosos aumentos abusivos da Petrobras; assista

Publicado em 01/06/2018

Em pronunciamento esta noite (1º), Michel Temer anunciou duas três questões: 1- Ivan Monteiro será confirmado na presidência da Petrobras; 2- não haverá interferência do governo na estatal; e 3- a política criminosa de reajustes dos combustíveis será mantida.

LEIA TAMBÉM

Temer dá calote nos caminhoneiros e desconto no diesel será menor que o anunciado

“Continuaremos com a política econômica que nestes dois anos retirou a empresa do prejuízo e a trouxe novamente para o rol das mais respeitadas no Brasil e no exterior”, garantiu.

“Não haverá qualquer interferência na política de preços da companhia. Ivan Monteiro é a garantia de que este rumo permanece inalterado”, prometeu Temer.

Na prática, a estatal continuará reajustando os combustíveis de acordo com a variação do dólar e a cotação internacional do petróleo. Ou seja, o trabalhador brasileiro continuará recebendo em real, mas pagará a gasolina, o diesel ou o gás de cozinha em moeda norte-americana.

O Tinhoso disse ainda que “a recuperação da Petrobras veio para ficar”.

Portanto, a demissão de Pedro Parente foi uma “mudança lampedusiana” para que tudo continue como está.

Assista ao vídeo: