FHC lança hoje manifesto para tentar salvar candidatura Alckmin

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso lançará hoje, em São Paulo, um manifesto do “centrão” (partidos de centro-direito) na tentativa de salvar a candidatura de Geraldo Alckmin (PSDB) ao Palácio do Planalto.

O movimento liberado por FHC contará com a participação, hoje, de políticos do PSDB, PPS e MDB. A ideia é reunir essas agremiações em torno da candidatura única de Alckmin e evitar a polarização eleitoral entre Lula e Jair Bolsonaro.

O PSDB deverá ainda reforçar a tese da necessidade das privatizações em um virtual governo do “centrão”, qual seja, a farra entreguista continuaria com o grupo de FHC.

A três meses da eleição de outubro, Geraldo Alckmin, na melhor das hipóteses, sem Lula, patina em quinto lugar nas pesquisas. Com 7% no Datafolha, o ex-governador de São Paulo tem índice mais baixo do PSDB em quase 30 anos.

Comentários encerrados.