Ciro perde PSB para PT e DEM para Alckmin

Os “extremos” espremem Ciro Gomes (PDT) nesta pré-campanha. O presidenciável é pressionado pelo PT, que lhe tomou o PSB, e também por Geraldo Alckmin, que lhe surrupiou o DEM.

A tese dos “extremos” é esvaziar e isolar o ex-governador do Ceara. Isto possibilitaria o ressurgimento da polarização PSDB x PT.

Alckmin calcula disputar segundo turno com um “poste” de Lula.

Nesse contexto, sobraria também para Jair Bolsonaro (PSL). O ex-capitão do Exército não consegue ampliar sua pré-candidatura, que dá sinais de estagnação. Pode nem ir para o segundo turno.

Comentários encerrados.