“Lula foi sequestrado pelo STF”, denuncia João Pedro Stédile

O líder do MST João Pedro Stédile denunciou nesta quinta (24) que o ex-presidente Lula não é mais preso político, mas, sim, sequestrado do Supremo Tribunal Federal.

Stédile se referia à proposta do ministro Gilmar Mendes de barganhar a liberdade do petista, que está preso em Curitiba desde 7 de abril, pela desistência da disputa pela Presidência da República.

“Lula não é mais preso político, mas, sim, sequestrado do STF”, reafirmou.

Para o líder dos sem terra, é fundamental que se amplifiquem as mobilizações pela liberdade de Lula.

Além de avisar que aumentará a pressão política, Stélile adiantou que um grupo de militantes irá fazer greve de fome em frente ao STF até a libertação do ex-presidente da República.

Assista ao vídeo:

Comentários encerrados.