Facebook faz parceria ‘fake news’ para checar fake news nas eleições

| Comente agora

O Facebook anunciou uma parceria com a Agência Lupa, uma fake news, para checar fake news neste ano eleitoral no Brasil. A empresa de “fact checking” existe para reforçar a narrativa ideológica da velha mídia golpista, lembra Luiz Felipe Miguel, professor de ciência política da Universidade de Brasília (UnB).

LEIA TAMBÉM
Cambridge Analytica, fábrica de fake news, fecha as portas no Reino Unido

O Facebook irá censurar as notícias — proibindo que elas sejam impulsionadas — quando forem denunciadas pelos usuários e barradas pelo filtro ideológico das agências Lula e Aos Fatos, registra a Folha.

A Agência Lupa e afins existem para enxergar apenas o que interessa aos parceiros políticos e econômicos, portanto.

Com o objetivo de garantir a “verdade” absoluta dos fatos, sob a ótica das empresas de comunicação, afirma Felipe Miguel, o fact checking cumpre seu papel ideológico de legitimação da narrativa dominante.

O Facebook é uma piada… de mal gosto.

Resumo da ópera: os partidos e os candidatos têm que abrir o olho para que o Fakebook não fraude as eleições no Brasil.