Por Esmael Morais

Deu ruim para Temer: Justiça rejeita prisão de caminheiros grevistas

Publicado em 29/05/2018

Michel Temer deu com os burros n’água ao tentar criminalizar, ao lado da Globo, a justa greve dos caminhoneiros paralisados há nove dias. A Justiça negou todos os pedidos de prisão feito pela política Polícia Federal.

LEIA TAMBÉM
Globo abre guerra contra caminhoneiros

A PF já abriu 48 inquéritos para investigar a ocorrência de locaute na paralisação dos caminhoneiros e encaminhou vários pedidos de prisão, relata a Agência Brasil.

O locaute ocorre quando patrões usam os trabalhadores para obter vantagens financeiras e é uma ilegalidade punível com prisão e multa.

O diabo é que a greve é comandada horizontalmente — por isso não tem uma única liderança — e é formada basicamente por caminhoneiros autônomos. Na cadeia do transporte, eles são os trabalhadores mais precarizados e vulneráveis pelos aumentos abusivos da Petrobras.