Curitiba vive guerra do petróleo; assista

Publicado em 26 maio, 2018
Compartilhe agora!

O Blog do Esmael flagrou uma multidão neste sábado (26) enfrentando fila — e frio– num posto de gasolina, em Curitiba, ao boato de que um caminhão-tanque tinha chegado no local.

Além da fila de motoristas de carros e motoboys, muita gente com galões nas mãos. Uma cena típica de “Venezuela”. O referido posto fica na Avenida Getúlio Vargas, esquina com a República Argentina, no bairro Água Verde.

Em outro posto de gasolina, na região central da capital paranaense, houve um clima de guerra porque alguns consumidores furaram a fila. Leva até 4 horas para abastecer o carro.

Para quem já fez uma guerra em 1959 por causa de um pente, em 1959, até que os curitibanos [ainda] estão bastante tranquilos.

Em dezembro de 1959 a revista O Cruzeiro registrou com fidedignidade: “Pente faz Curitiba perder a cabeça”.

Na época, duas pessoas morreram dois de três dias de quebra-quebra e muita violência na Praça Tirantes, centro, por causa da compra de um pente na loja de um imigrante.

Assista ao vídeo sobre a fila para abastecer em Curitiba:

Compartilhe agora!