Bolsonaro recua de ‘apoio’ aos caminhoneiros e se desgasta

Publicado em 29 maio, 2018
Compartilhe agora!

O recuo do apoio à greve dos caminhoneiros do pré-candidato Jair Bolsonaro pegou mal entre os seus apoiadores e simpatizantes. Em entrevista para um jornalão de São Paulo e para Ricardo Boechat, na Rádio Bandeirantes, na manhã desta terça-feira (29), o candidato da direita recomendou o fim do movimento. Alegando que “a esquerda quer o caos com o prologamento do movimento e a convocação da greve dos petroleiros”, disse mansinho, mansinho.

A posição de Jair Bolsonaro em relação à greve dos caminhoneiros demonstra uma fragilidade enorme de sua candidatura, que busca fazer acenos aos barões do mercado.

Na ‘hora H’, o homem afrouxou, é o que dizem nas redes sociais muitos caminhoneiros que tinham ilusão com o Bolsonaro.

Compartilhe agora!