“A inelegibilidade de Lula é precária”, explica jurista

O professor e jurista Luiz Fernando Casagrande Pereira explicou nesta terça (22), em Brasília, que a candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não pode ser indeferida antecipadamente como alardeia a mídia.

“Não é nada novo, inédito, é o que diz a lei há mais de 30 anos”, disse o jurista.

“Acredito no TSE. É um rito da lei. A inelegibilidade é de caráter precário. Na última eleição 145 prefeitos concorreram. Lula poderá disputar, mesmo inelegível, até a diplomação.”

O PT reafirma que registrará a candidatura de Lula no próximo dia 15 de agosto, como determina a lei.

Assista ao vídeo: