Semana nacional de troca-troca e traições partidárias

Publicado em 2 abril, 2018
Compartilhe agora!

Até o próximo sábado, dia 7 de abril, os políticos no exercício do mandato têm a “janela da traição” para pular. Também é o prazo fatal para desincompatibilizações e filiações partidárias para quem almeja disputar as eleições de outubro.

Neste jogo cujos parlamentares trocam mais de partidos do que camisa, o PSL do presidenciável Jair Bolsonaro tinha três deputados antes da abertura da janela da infidelidade. Agora são oito, mas o partido quer chegar a 10 até sábado.

Portanto, esta é considerada a semana nacional do troca-troca e das traições partidárias.

Compartilhe agora!