Blog do Esmael

A política como ela é em tempo real.

“Patriota 51” racha por causa da prisão de Lula

Marcellão Sampaio (pres. Patriota/Curitiba, Wilson Picler e Japonês da Federal. Felicidade de curta duração: apenas 4 dias.

O empresário e ex-deputado Wilson Picler anunciou que deixou o “Patriota 51” — ou Partido Ecológico Nacional (PEN-51) — por causa do apoio da agremiação ao ex-presidente Lula. Em nota, Picler explica que o PEN é autor de medida cautelar para impedir a antecipação da pena para condenados em 2ª instância.

Picler se retira do PEN/Patriota quatro dias após a filiação do Japonês da Federal, que ficou na legenda. Ou seja, o empresário entendeu que ‘alho’ não combina com ‘bugalho’ — e vice-versa.

Entretanto, Wilson Picler anuncia que se filiou ao PSL de Jair Bolsonaro. “Esta opção se deu pela identidade ideológica e programática” com o ex-capitão do Exército, explica.

A seguir, leia a íntegra da nota:

PREZADOS COLEGAS,

Em consideração e respeito à confiança que nos une nesta jornada em busca de um futuro melhor para o nosso País, comunico que, em decorrência dos últimos acontecimentos divulgados por toda a imprensa brasileira, nas últimas 48 horas, dando conta da iniciativa nacional de ingressar junto ao STJ com um pedido de Medida Cautelar para impedir a prisão de condenados em Segunda Instância, informo que, por esta razão eu, e meus colaboradores, estamos nos retirando do Partido Ecológico Nacional (PEN-51).

Informamos que esta atitude se faz necessária porque estamos, neste momento, lutando pela moralização da Política Brasileira e somos solidários à Operação Lava a Jato e com todas as outras iniciativas que combatem a corrupção e o culto à impunidade. Temos a certeza de que neste momento esta postura representa a vontade da MAIORIA DO POVO BRASILEIRO.

Informamos ainda que assinei na data ontem (06/04), minha afiliação ao PSL – Partido Social Liberal. Esta opção se deu pela identidade ideológica e programática do partido liderado pelo Deputado Jair Bolsonaro, em especial ao que tange a necessidade de uma ampla REFORMA CONSTITUCIONAL DA REPÚBLICA em busca de uma melhor harmonização do Estado Brasileiro com a vontade do POVO.

Wilson Picler

Comentários desativados.