Governo “socialista” de SP nega que tropa de choque vai atuar para prender Lula

O novo governador de São Paulo, Márcio França, do PSB, negou que a tropa de choque da PM vai atuar para prender o ex-presidente Lula. O socialista assumiu o cargo hoje no lugar de Geraldo Alckmin (PSDB), que disputará o Palácio do Planalto.

Lula está entrincheirado desde a noite de ontem (5) no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo (SP). O petista não se entregou às 17 horas, como determinava o juiz Sérgio Moro.

França disse que vai “aguardar as determinações judiciais e exigir de todo mundo bom senso”. “Ninguém quer transformar o Brasil em um caldeirão de violência desnecessária.”

Comentários encerrados.