Perdeu, prefake! Câmara de São Paulo congela confisco da previdência

Publicado em 28 março, 2018
Compartilhe agora!


A Câmara Municipal de São Paulo congelou por 120 dias o Projeto de Lei do confisco da previdência dos servidores da cidade. O prefake João Doria (PSDB) foi obrigado a ceder e vai renunciar ao cargo sem entregar a encomenda do mercado.

Desde o dia 8 de março o funcionalismo público está em greve e vem realizando grandes manifestações pela cidade. Nesta terça-feira (27) cerca de 100 mil pessoas se reuniram em frente a Câmara. A pressão fez os vereadores recuarem impondo a derrota ao prefake top tucano.

Dória deixa o mandato na semana que vem para disputar o governo do Estado de São Paulo. A derrota com a recuo da própria base já o deixa enfraquecido na largada. Ele renuncia ao cargo sem ter cumprido nem um terço do mandato. Poderá ficar fora da política, só depende dos eleitores.

Com informações da Rede Brasil Atual

Compartilhe agora!