Por Esmael Morais

Carminha traiu os trouxinhas

Publicado em 24/03/2018

A ministra Cármen Lúcia, presidenta do STF, ficou quase dois meses prometendo que não votaria o habeas corpus de Lula. Virou heroína dos trouxinhas. Mas os traiu na última quinta (22). Colocou na pauta o exame do pedido do ex-presidente.

Carminha, como a chamam os donos da Globo, levou uma sova no plenário na apreciação: 7 votos a 4 para o petitas. Portanto, dupla decepção para trouxinhas (ex-coxinhas).

A tendência é que o Supremo repita a votação (7 a 4) no mérito durante a sessão de 4 de abril.

Moral da história: essa Carminha deve ser comunista!