A palestra de R$ 46 mil do ministro Luís Roberto Barroso

O ministro do STF Luís Roberto Barroso receberá R$ 46.800,00 para fazer uma palestra de uma hora no estado de Rondônia. A informação foi confirmada pelo Blog do Esmael no Diário Oficial Eletrônico do Tribunal de Contas de Rondônia, nº 1600, desta quarta-feira (28).

Barroso jurou de pés juntos à Folha de S. Paulo, que não receberá nem um tostão por esta palestra no Norte do país. “Não tenho a menor ideia de que valor é este. É um valor completamente fora do padrão, fora do que eu cobro”, disse o ministro à Folha.

Mas o Diário Oficial Eletrônico desmente Luís Roberto Barroso. Não é “fake” (falso) o registro de inexigibilidade (dispensa) de licitação para contratar a referida palestra ministerial de uma hora por R$ 46.800,00.

O diabo é que o valor cobrado por Barroso joga para baixo os valores cobrados pelos demais ministros. Há quem fale que um magistrado “bom” receba até R$ 300 mil por palestra.

O VII Fórum de Direito Constitucional e Administrativo ocorrerá nos dias 16 a 18 de maio dentro das comemorações dos 35 anos de instalação do TCE no Estado de Rondônia.

Comentários encerrados.