Por Esmael Morais

URGENTE: STF LIBERA VOTAÇÃO DA INTERVENÇÃO NO RIO

Publicado em 20/02/2018

O ministro Celso de Mello, do STF, negou pedido de liminar feito pelo Psol para suspender a análise pelo Congresso do decreto que determinou a intervenção militar no Rio de Janeiro.

Com isso, a Câmara está liberada para votar a intervenção nas favelas do Rio.

A ação militar tem como alvos negros e pobres dos morros cariocas.

Na noite desta segunda (19), horas antes da votação na Câmara, as forças armadas fizeram uma megaoperação na região metropolitana do Rio.

O deputado Ivan Valente (Psol-SP) explicou o motivo da intervenção no Rio: