Temer testará hoje “jogada publicitária” na Câmara; PT votará contra intervenção no Rio

Publicado em 19 fevereiro, 2018
Compartilhe agora!

A Câmara deverá votar na noite desta segunda (19) o decreto de Michel Temer que impõe intervenção militar no Rio de Janeiro. A sessão foi marcada para iniciar às 19 horas. O PT quer deixar claro, hoje à noite, que o emedebista pretende fazer um palanque em cima de cadáveres de pobres e negros dos morros cariocas.

Considerada uma “jogada publicitária” por uns, como o senador Roberto Requião (MDB-PR), e uma ação “contra pobres e negros”, por outros, a exemplo da Igreja Católica, a intervenção militar no Rio está longe de ser uma unanimidade.

Os meios de controle ideológico — leia-se a Globo — tem jurado que a “Operação Denorex” das Forças Armadas não é uma “intervenção militar”, embora seja uma intervenção liderada pelos militares. Ou seja, “parece mais não é”, segundo a emissora dos Marinho.

O STF também poderá meter sua colher na discussão sobre a intervenção política-militar no Rio. A corte poderá, até, barrar a ação que poderá resultar na repressão a moradores dos morros cariocas.

Hoje à noite, na Câmara, o líder do PT Paulo Pimenta (RS) deverá orientar a bancada contra a “demagógica” intervenção de Temer. O partido quer deixar claro que o emedebista pretende fazer um palanque em cima de cadáveres de pobres e negros do Rio.

Compartilhe agora!