Globo censura o “diabão” do Temer

Até a Folha tirou sarro da censura da Globo, que ainda esconde o “diabão” do Michel Temer — também chamado carinhosamente de “vampiro neoliberalista”.

LEIA TAMBÉM:
Em entrevistas “diabólicas”, Michel Temer retoma projeto pelo fim das aposentadorias

“Só lá pelas 13h15, durante o “Jornal Hoje”, mais de dez horas depois do desfile, o jornalismo da Globo, sempre tão ávido pela informação em primeira mão, associou o vampiro da Paraíso ao presidente Michel Temer. O delay em relação às redes sociais e a outros noticiários foi gritante”, debochou Cristina Padiglioni, colunista da Folha.

Se por um lado a Globo censurou o “diabão” do Temer, no desfile da Paraíso do Tuiuti, por outro, para fazer o contraponto, exaltou a apresentação da Beija-Flor que repetiu na Sapucaí a narrativa da emissora pró-golpe de Estado.

Apuração dos desfiles das escolas de samba será nesta quarta (14) a partir das 16h30.

Com a palavra, o “diabão” do Temer (vídeo):

Comentários encerrados.