Carminha foge de Lula como o diabo foge da cruz…

… para agradar a Globo, evidentemente. Carminha é o apelido carinhoso pelo qual a presidenta do STF, Carmén Lúcia, é chamada na emissora dos Marinho. A moça não quer pautar as prisões em segunda instância para dar tempo de o TRF4 mandar prender Lula, que seria exibido como um troféu por William Bonner no Jornal Nacional.

Entretanto, no Supremo, Carminha está isolada. Na reunião da Segunda Turma, nesta terça (20), os ministros Ricardo Lewandowski, Celso de Mello e Edson Fachin pressionaram para que a presidenta leve o habeas corpus dos ex-presidente para a votação no plenário da corte.

Os ministros “sublevados” deixaram de avaliar dois habeas corpus na Turma com o objetivo de forçar Carminha pautar o tema no plenário do STF, isto é, o caso Lula. O colegiado, por unanimidade, encaminhou para julgamento pelo plenário os HCs 144717 e 136720, nos quais, também, se discute a possibilidade do início da execução provisória da pena após decisão condenatória em segunda instância.

Para os petistas, a prisão do ex-presidente poderá ocorrer em questão de dias — se o Supremo continuar a lavar as mãos. Por isso os advogados do petista peticionaram o ministro Edson Fachin, relator da lava jato, no STF, para que diga a data do julgamento.

Carminha foge de Lula como o diabo foge da cruz para dar tempo aos fundamentalistas do TRF4 e agradar a Globo. Eis a questão.

Comentários encerrados.