Beto Richa sempre foi uma “mãe” para as concessionárias, diz ex-relator da CPI dos Pedágios

Publicado em 23 fevereiro, 2018
Compartilhe agora!

O deputado Péricles de Mello (PT) afirmou nesta sexta (23) que o governador Beto Richa é o responsável direito pelo aumento nas tarifas de pedágio nas rodovias paranaenses. Segundo o petista, que foi o relator da CPI dos Pedágios na Assembleia Legislativa do Paraná, em 2014, o tucano desrespeitava índices indicados por técnicos do DER para agradar as concessionários.

Nas palavras do deputado Péricles, o governador Beto Richa sempre foi uma “mãe” para as concessionárias de pedágio e um carrasco para os usuários das estradas paranaenses.

Em outra oportunidade, em 2015, Péricles disse profético que “os desvios da Lava Jato, investigados pelo juiz Sérgio Moro, são café pequeno perto do que a máfia do pedágio fatura no Paraná.”

Nesta quinta (22), a lava jato acusou agentes do governo do estado de cobrarem propina para superfaturar a tarifa, em até 400%, nas 27 praças de pedágio existentes no Paraná. Portanto, Péricles tinha razão.

Por meio de nota, nesta sexta (23), o parlamentar do PT assim se expressou acerca da Operação Integração, da lava jato:

“Há muito tempo tenho denunciado o conluio entre as concessionárias e empreiteiras que sempre dominaram grandes obras públicas.

Mostrei, em meu relatório da CPI dos Pedágios, as irregularidades no edital de licitação, o aumento na taxa de retorno solicitada pelo governo – desrespeitando os índices indicados pelo Departamento de Estradas de Rodagem, DER e o superfaturamento de obras, entre outras irregularidades.

Agora, a Justiça investiga casos de corrupção relacionados às concessões de rodovias no Paraná. Espero que tudo seja esclarecido e que os culpados sejam punidos.”

Compartilhe agora!