BBC também diz que Facebook está com os dias contados; leia as oito razões

O Blog do Esmael levantou recentemente que a “morte” do Facebook estaria próxima, à luz da decisão da Folha de S. Paulo de deixar abandonar o aplicativo de Mark Zuckerberg. Pois bem, esta semana a BBC trouxe uma reportagem Amol Rajan que enumera as 8 razões que mostram que a rede social atingiu seu auge e pode começar a perder influência.

De acordo com a BBC, além de acumular inimigos no mundo inteiro, o Facebook também perde anunciantes comerciais e na mídia. A Folha e a Unilever são citadas como exemplo da decadência. Além disso, ressalta a reportagem, houve sensível redução de usuários nos Estados Unidos e no Canadá — os principais mercados de Zuckerberg.

Veja os oito motivos que indicam que o fim está próximo para o Facebook, segundo a BBC de Londres e Brasil:

1. Usuários em queda; 2. Menos engajamento; 3. Turbulências com anunciantes; 4. Desinformação e notícias falsas; 5. Ataques de seus ex-executivos; 6. Regulações mais duras; 7. Regulação de proteção de dados; e 8. Antagonismo com a indústria de notícias.

A BBC relata ainda que o Facebook pode ter atingido a capacidade de crescimento no mundo de língua inglesa. Com isso, explica, os chineses são um problema real para a hegemonia e crescimento vertiginoso que durou 14 anos.

Comentários encerrados.