‘Apresentador Ratinho traiu o povo’

Não é somente em relação a “veado” que o apresentador Ratinho, do SBT, tem reservas. Ele também é contra o povão, segundo as redes sociais, após satânica entrevista com Michel Temer sobre a reforma da previdência (fim da aposentadoria).

“Que surpresa ruim!! O apresentador que sempre se disse ao lado do ‘povão’ abrindo espaço pro Michel Temer enganar a população!!”, diz o perfil no Facebook “Todos contra o fim da Aposentadoria”. A entrevista foi ao ar na noite desta segunda-feira (29).

Para Ratinho, Temer revelou que o governo já negociou com deputados e senadores “tudo” o que podia para conseguir aprovar a reforma da previdência no Congresso. A votação do fim das aposentadorias está prevista para o próximo dia 19 de fevereiro.

A página explica o objetivo da reforma trabalhista perseguida por Temer e apoiada por Ratão:

“Reforma do governo deixa 70% dos brasileiros sem aposentadoria. Somos 100 milhões de prejudicados. Ou nos unimos agora ou a gente morre na miséria. Ajude, curta, compartilhe. Faça a sua parte”, pede a página que é administrada por trabalhadores.

Na manhã desta terça-feira (30), havia mais de 23 mil compartilhamentos do protesto contra Ratinho que fez carreira dizendo ser homem do povo.

A virada de casaca e a homofobia do apresentador poderão prejudicar as pretensões majoritárias de seu filho, o deputado Ratinho Junior (PSD), que sonha com o Senado ou o governo do Paraná.

Comentários encerrados.