Blog do Esmael

A política como ela é em tempo real.

Fatigada, lava jato desloca eixo para o Rio

Cadê o juiz Sérgio Moro? Ninguém sabe ninguém viu.

O até então principal ícone da operação lava jato submergiu das manchetes e holofotes da mídia. Não se fala mais nele, por enquanto.

O queridinho da vez, para a velha mídia, é o juiz Marcelo Bretas, da praça do Rio de Janeiro. É o magistrado da “lava jato” fluminense, destacam os jornalões.

Não há que se entrar no mérito sobre o desaparecimento de Moro, mas sim na súbita transferência do espetáculo da capital paranaense para o Rio.

Há fadiga material na lava jato cujo objetivo estratégico é inviabilizar Lula em 2018, conforme revelou o procurador Deltan Dallagnol no famigerado powerpoint em setembro do ano passado.

O diabo é que, mesmo com essa fadiga, a lava jato e o show precisam continuar — aos olhos da mídia. Afinal de contas, quem oferecerá pautas e textos gratuitos para o Crtl c + Crtl v nas redações, ou seja, materiais para serem copiados e vendidos como se fossem notícias apuradas e exclusivas. Um requerimento judicial é uma manchete, pois.

Comentários desativados.