Alvaro Dias: “Antes da reforma é preciso cobrar os grandes devedores da previdência”

O senador Alvaro Dias (Pode-PR) afirmou nesta quinta (16) que, antes de se aprovar uma reforma da Previdência, é preciso cobrar os grandes devedores do sistema previdenciário, como JBS, Eike Batista, entre tantos outros que devem mais de R$ 400 bilhões aos cofres públicos.

Na prática, Alvaro se posiciona contra a reforma da previdência pretendida pelo governo Michel Temer (PMDB) cuja proposta é estabelecer 44 anos de contribuição ininterrupta para que os trabalhadores se aposentem com o valor integral da aposentadoria.

Ainda de acordo com a proposta do peemedebista, o benefício será de 50% da média salarial do trabalhador para quem completar idade mínima e 15 anos de contribuição.

Temer diz que manterá a proposta de idade mínima de 65 anos (homem) e 62 (mulheres) para as aposentadorias.

Voltemos às dívidas não cobradas, segundo a reclamação de Alvaro Dias.

Para o procurador Achilles Frias, presidente do Sindicado dos Procuradores da Fazenda Nacional (Sinprofaz), as grandes dívidas, como as da Vale, não conseguem ser cobradas porque fazem parte de um grande esquema de corrupção e financiamento de campanha, estimulado pelo governo.

Abaixo, assista ao vídeo:

Comments are closed.