Por Esmael Morais

Paulo Rossi, da UGT, preocupado com o planeta

Publicado em 28/10/2017

É nesse contexto que a entidade que Rossi preside realizará neste fim de semana, de 29 a 31 de outubro, na tríplice fronteira, o seminário “Jornada 2030: Promovendo os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS)”.

O nosso “Dalai Lama das Araucárias” frisa os cinco “pês” intrínsecos aos objetivos do desenvolvimento sustentável. A saber: pessoas, planeta, paz, prosperidade e parceria.

Abaixo, leia a íntegra do despacho da central sindical:

SEMINÁRIO EM FOZ DISCUTIRÁ AGENDA 2030 E OS ODS

A UGT – União Geral dos Trabalhadores no Estado do Paraná, realizará nos dias 29 a 31 de outubro, no Rafain Palace & Convention, na cidade de Foz do Iguaçu, o seminário Jornada 2030: Promovendo os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

O evento conta com o apoio da Itaipu Binacional, da Sanepar, da Prefeitura de Foz do Iguaçu, da OIT e do PNUD/ONU, e reunirá mais de 500 pessoas com a finalidade de promover as boas práticas relacionadas aos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e suas 169 metas. Um dos objetivos do evento é o de sensibilizar e envolver cada vez mais os poderes constituídos, as organizações sindicais e sociais, através de diálogos e ações conjuntas, engajando a sociedade civil organizada e gerando agentes multiplicadores desta agenda, com o intuito de cumprir os objetivos e as metas estipuladas.

A abertura, no domingo(29/10), às 18h30, contará com a palestra “O impacto dos ODS na vida das pessoas”, cujo palestrante será o Dr. Haroldo Machado Filho – Assessor Sênior para a Agenda 2030/ODS, do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento no Brasil (PNUD Brasil).

O presidente da UGT-Paraná, Paulo Rossi, ressalta que o seminário é uma ferramenta importante na aproximação e conexão entre os diversos atores no Estado do Paraná, além de proporcionar um espaço de reflexão e cooperação em prol da promoção dos ODS. Rossi lembra ainda que a UGT é a única entidade de trabalhadores a compor a comissão nacional tripartite dos ODS. “Uma das prioridades da UGT é a democratização da comunicação, e por preconizarmos esse direito inalienável, a UGT-PARANÁ fará a transmissão de todo evento ao vivo, diretamente em sua página na web e nas redes sociais. A UGT nacional também irá transmitir em sua web page todo seminário. Com isso estendemos ao mundo a oportunidade de acompanhar as palestras e discussões sobre os tantos temas que envolvem a Agenda 2030”.

Os cinco P´s da Agenda 2030

Os ODS foram aprovados na Cúpula das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento Sustentável (25-27 de setembro de 2015), e a sua implementação é um desafio que requer parcerias globais, com a participação ativa de todos, incluindo governos – em todos os níveis, sociedade civil, setor privado, academia, mídia e Nações Unidas. (fonte: PNUD/ONU).

Esta Agenda é um plano de ação para as pessoas, para o planeta e para a prosperidade. Seu mote principal é fortalecer a paz universal com maior liberdade, reconhecendo que a erradicação da pobreza em todas as suas formas e dimensões, incluindo a pobreza extrema, é o maior desafio global e um requisito indispensável para o desenvolvimento sustentável.

Todos os países e partes interessadas, atuando em parceria colaborativa, para implementar este plano. Juntos e decididos a libertar a raça humana da tirania da pobreza e da penúria, curando e protegendo o nosso planeta. Todos determinados a tomar as medidas ousadas e transformadoras necessárias para direcionar o mundo para um caminho sustentável e resiliente. Esta jornada é coletiva e tem o compromisso de não deixar ninguém para trás.

Os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e 169 metas demonstram a escala e a ambição desta nova Agenda Universal, pois se constroem sobre o legado dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, priorizando os direitos humanos de todos, igualdade de gênero e o empoderamento das mulheres e meninas. Eles são integrados e indivisíveis, equilibrando as três dimensões do desenvolvimento sustentável: a econômica, a social e a ambiental.

Os Objetivos e metas que vão estimular a ação dos próximos 13 anos em áreas fundamentais para a humanidade e para o planeta:

Pessoas
Acabar com a pobreza e a fome, em todas as suas formas e dimensões, e garantir que todos os seres humanos possam realizar o seu potencial em dignidade e igualdade, em um ambiente saudável.

Planeta
Proteger o planeta da degradação, sobretudo por meio do consumo e da produção sustentáveis, da gestão sustentável dos seus recursos naturais e tomando medidas urgentes sobre a mudança climática, para que ele possa suportar as necessidades das gerações presentes e futuras.

Prosperidade
Assegurar que todos os seres humanos possam desfrutar de uma vida próspera e de plena realização pessoal, e que o progresso econômico, social e tecnológico ocorra em harmonia com a natureza.

Paz
Promover sociedades pacíficas, justas e inclusivas que estão livres do medo e da violência. Não pode haver desenvolvimento sustentável sem paz e não há paz sem desenvolvimento sustentável.

Parceria
Mobilizar os meios necessários para implementar esta Agenda por meio de uma Parceria Global para o Desenvolvimento Sustentável revitalizada, com base num espírito de solidariedade global reforçada, concentrada em especial nas necessidades dos mais pobres e mais vulneráveis e com a participação de todos os países, todas as partes interessadas e todas as pessoas.

Os vínculos e a natureza integrada dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável são de importância crucial para assegurar que o propósito da nova Agenda seja realizado. Se realizarmos as nossas ambições em toda a extensão da Agenda, a vida de todos será profundamente melhorada e nosso mundo será transformado para melhor.

SERVIÇO:

Seminário Nacional Jornada 2030: Promovendo os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

Dias 29 a 31 de outubro de 2017

Abertura: 29/10 (domingo), às 18h30 / 30 e 31/10 das 8h30 às 18 horas.
Rafain Palace & Convention
Avenida Olímpio Rafagnin, 2357 – Foz do Iguaçu

Na internet, acesse: www.ugtparana.org.br / www.ugt.org.br