Verdadeiro “pai da lava jato” contesta filme “Polícia Federal – A lei é Para Todos”

O ex-deputado Neivo Beraldin presidiu a CPI do Banestado, em 2003, que culminou com primeira prisão do doleiro Alberto Youssef e o juiz Sérgio Moro foi quem, na época, autorizou a quebra do sigilo de doleiros de todo o país.

“Não é verdade que antes da atual fase de investigação de corrupção nada tenha sido feito. É mentira do filme Polícia Federal — a Lei é Para todos porque a CPI do Banestado, presidida por mim, foi a maior operação contra corruptos e corruptores”, discorreu Beraldin com exclusividade ao Blog do Esmael.

“O filme da lava jato é uma farsa”, emendou. Segundo ele, antes da lava jato houve investigação de “peixes graúdos” no sistema financeiro brasileiro.

O ex-parlamentar é considerado o verdadeiro “pai da lava jato” para quem conhece a História ou, na melhor das hipóteses, viveu a História como ela é.

A CPI do Banestado na Assembleia Legislativa do Paraná investigou há quase 15 anos a evasão de US$ 134 bilhões (algo em torno de R$ 500 bilhões em valores atualizados). Dentre os depoentes, lembra Beraldin, estavam o atual ministro da Fazenda Henrique Meirelles e o dono do Itaú Olavo Setúbal (morto em 2008) — ambos acusados de evasão de divisas e sonegação fiscal.

Como todo pai, Neivo Beraldin anda desgostoso com os trabalhos da força-tarefa que só tem olhos para o ex-presidente Lula e o PT. “A ideia fixa é tanta que até no nome do filme tem PT”, referindo-se à corruptela de “Para Todos”.

Mais tarde, na CPMI do Banestado no Congresso Nacional, Meirelles foi responsabilizado pela remessa ilegal de US$ 1 bilhão em setembro de 1998 por meio da empresa Boston Comercial e Participações Ltda., subsidiária do Banco de Boston, na ocasião presidido por Meirelles. Entretanto, o agora ministro da Fazenda foi poupado pelo relator da comissão mista de investigação.

A respeito da operação lava jato, o procurador da República Celso Três, em julho de 2016, sustenta que o juiz Sérgio Moro não é competente para investigar a multiplicidade de delitos a que se propõe.

“A Lava Jato está na Justiça Federal mercê de olímpica ginástica de conexão probatória com outros delitos (lavagem de dinheiro transnacional) e agentes federais (ex-parlamentares). Na sua essência, seria da Justiça Estadual”, diz um trecho de um documento elaborado pelo procurador que investigou as célebres contas CC5 do Banestado, em cujo caso também atuou o juiz federal Sérgio Moro.

A CPI do Congresso virou uma enorme pizza. Os tubarões do sistema financeiro se safaram. Beraldin não foi reeleito. E o procurador Celso Três não prosperou na carreira. Este o verdeiro final do filme.

O que eram as famigeradas constas CC-5

A remessa ilegal de dólares ocorria via o antigo Banestado — privatizado e vendido para o Itaú — por meio de contas CC-5 na agência de Nova York.

As contas CC-5, extintas pelo Banco Central em 1996, serviam para que empresas multinacionais ou brasileiras com interesses no exterior transferissem dinheiro para fora do País, mas também eram são utilizadas para o envio de dinheiro a brasileiros que moram no exterior.

Entretanto, pela mágica de doleiros, o dinheiro era enviado para outros bancos nos EUA e, depois, para paraísos fiscais – como acontece em esquemas de lavagem de dinheiro.

29 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. UM SALVE PARA O HERÓI DO FILME COMÉDIA RIDÍCULA – Anulou todas as sentenças do caso Banestado, que desviou mais de 500 bilhões; apenas tucanos envolvidos
    – Anulou as perguntas de Cunha a Temer, dizendo que ele estava constrangendo o presidente
    – Tinha todas as provas contra Andrea Neves, irmã de Aécio, desde 2015 e não a prendeu ou sequer pediu investigação; ela foi presa pelo STF
    – Absolveu a mulher de Eduardo Cunha ignorando contas na Suíça e parecer do MP suíço dizendo que ela é quem as operava
    – Absolveu a mulher de Cabral, mesmo ela comprovadamente sendo líder de um esquema que comprava juízes e promotores e tendo mansões e mais de 11 milhões em joias
    – Quase 4 anos de Lava Jato, nunca prendeu, indiciou ou condenou nenhum tucano.
    – Ignorou vídeo de ex-presidente do PSDB pedindo 10 milhões em propinas e o absolveu por “falta de provas”
    – Diminui em 90% a pena de bandidos que delatarem Lula, como Léo Pinheiro, Roberto Duque, etc. Mas só se delatar Lula.
    – Soltou Yousseff duas vezes e diminuiu sua pena no caso Banestado de 121 anos para apenas 1 ano.
    Este é Sergio Moro.

  2. filminho brasileiro deixa a desejar ,erros e convicção,bate bola furada rola e enrrola e se apega PT,muito fraco nem vale apena perder tempo.

  3. Basta um único raciocínio.
    Naquela época o moro prendeu o doleiro Youseff.
    Fez um grande acordo e soltou o bandido.
    Na Lava Ego, moro prendeu o cara de novo e soltou de novo.
    Dá pra entender ou só eu é que sou inocente???

  4. Que filme? …

  5. Isso prova que as CPIs no Brasil não prestam pra nada.
    Primeiro quiseram acabar com a Lava Jato porque começou incomodar e ameaçar políticos que se achavam estar acima da lei. Mas a operação tomou corpo e avançou condenando e prendendo empresários e políticos corruptos. Isso tudo provoca ciúmes e muitos agora querem brilhar sob as luzes dos holofotes. Caso não tivesse prosperado não apareceriam nem pais nem mães do evento.

    • Jaime Lerner e Álvaro Dias foram financiados pelo doleiro Youssef. No depoimento, ele afirmou que campanhas de políticos do Paraná como o governador Jaime Lerner (PFL) e o senador Álvaro Dias (PSDB) foram beneficiadas com dinheiro desviado dos cofres públicos, em operações que teriam sido comandadas pelo ex-prefeito Gianoto.

  6. Não precisa ser muito inteligente para descobrir que a lavajato foi usada para derrubar a presidenta Dilma, e botar os investigados no poder, com as bençãos da justiça e apoio do PIG. E o golpe só se consolida com o Lula fora do caminho, sem qualquer chance de retornar ao poder pelo voto popular, em 2018. Isso porque a direita deu o golpe, e agora não sabe como se manter no poder sem voto. Portanto, o juiz tucano Sérgio Moro só está fazendo a sua parte no enredo do golpe, cumprindo a mesma tarefa desempenhada por Sérgio Paranhos Fleury para a ditadura, ou seja, o papel de capitão do mato da casa grande, melando as mãos para consolidar o golpe e preservar os golpistas no poder, com essa caçada alucinada e frenética ao Lula.

    • Depois de tudo que já se viu e se está vendo ainda está nessa de gopi? Acorda!

      • Continue andando nas trevas! Não tenho culpa que você é cego e tem a capacidade de discernimento limitado. Vote no Bolsanaro com suas ideias nazistas!

        • Não sou eleitor do Bolsonaro mas admito que em muitos pontos concordo com ele. E o que seriam na prática essas tais ideias nazistas? Falam muito em tese e teorias.

  7. Moro segue a teoria nazista de Carl Schmidt, ou seja , criar a figura do inimigo , transformá-lo num monstro á ser abatido e levar essa sanha pra dentro dos lares através dos veículos de comunicação, pra assim convencer o conjunto da sociedade que esse é o caminho a seguir, pois “nossos inimigos ” são corruptos e ladrões ( caso do Brasil) na Alemanha os Judeus ( são usurpadores do povo alemão) , nos EUA ou Europa os terroristas ( que são maus e tudo se justifica pra combate-los) . Simples assim !!!

    • Você acredita mesmo nisso? Pergunto porque, entre outras coisas, para acreditar nisso você deve ser um fã do Lula, um seguidor da seita, um torcedor de futebol travestido de eleitor. Você deve achar que o mensalão é uma invenção, os roubos aos cofres públicos são uma lenda urbana e que o Lula, sua família e seus amigos próximos enriqueceram por méritos próprios. Também deve pensar que todos os delatores são torturados ou mentem compulsivamente quando falam do Lula (porque se falam de outros sempre a esquerda comemora). Ainda, acredita que o Moro está a serviço dos EUA, da Globo, da CIA, do FBI, da NBA, da FIFA, da ONU…não é?

    • Que viagem hein compadre! Você escreveu isso sob efeito de drogas? Kkkkk! Cada figura …

  8. capitulo 2 lula na cadeia e os corrompidos do STF também

  9. Esse deve ser o argumento mais forte que o PT/PMDB/PSDB tem para anular a Lava Jato.
    O que se vê no filme não corresponde a realidade dos fatos……
    Semana que vem os advogados do Luladrão entram com uma nova petição no STF.

    • O argumento mais forte é o da inimputabilidade do Lula. Ele sequer pode ser denunciado, quem dirá condenado e se for, é inimputável. Eles tem certeza disso. Certamente, após a sua beatificação, isso deva se acentuar.

      • Argumento ridiculo
        pq o Lula O Lula o Lula o Lula o Lula
        gozei amo o lula

      • Hello….. inimputável somente eleitores do PT, Lula é ladrão mesmo.

        Art. 26 – É isento de pena o agente que, por doença mental ou desenvolvimento mental incompleto ou retardado, era, ao tempo da ação ou da omissão, inteiramente incapaz de entender o caráter ilícito do fato ou de determinar-se de acordo com esse entendimento.

  10. Aproveitando, o nosso ex-deputado poderia explicar os resultados práticos da CPI do Banestado no âmbito da nossa querida ALEP. Imagino que tenha sido das mais produtivas, porque a ALEP nunca está pra brincadeira, eles endurecem com todo mundo sem dó.

  11. Das inúmeras opiniões e razões, forma-se o juízo de cada um.
    Nós, do PT, pagamos pau pra quem falar nossa língua. Parabéns a todos que nos apóiam (Parabéns a todos = PT, olha a sutileza da linguagem subliminar)

  12. Guerrilheiro digital disseminando desinformação. Trágico.

  13. A lei e para todos aqueles que tem interesse proprio kkkk verdadeira igual nota de três