Nem a ‘Casa da Moeda’ escapará da privatização de Temer

O governo de Michel Temer (PMDB) irá privatizar até a ‘Casa da Moeda’, entidade que fabrica o nosso dinheiro — o real.

A ideia-fixa de fazer caixa para pagar a conta do golpe de Estado, pagar os juros para os bancos e o buraco aberto com a compra de deputados.

A Casa da Moeda, que fabrica notas de real, selos postais, diplomas e passaportes, deve ir a leilão no final do ano que vem.

Além da liquidação do órgão, o ilegítimo planeja privatizar as estatais de energia, tais como a Eletrobras e Petrobras, bem como aeroportos, portos e rodovias. É a Black Friday, ou final de feira dos golpistas.

Ao todo, o governo pretende arrecadar R$ 90 bilhões com as privatizações. O rombo no caixa chega a R$ 160 bilhões.

Talvez Michel Temer arranje os outros R$ 70 bilhões que faltam vendendo a floresta Amazônica.

Ou seja, com a privatização até da Casa da Moeda, a coisa vai ficar do jeito que o diabo gosta…

Comentários encerrados.