Câmara abre processo de cassação contra vereadora de Curitiba

A Câmara Municipal de Curitiba decidiu abrir processo de cassação contra a vereadora Katia Dittrich (SD), nesta terça-feira (22), por quebra de decoro parlamentar.

A Comissão Processante tem 90 dias para votar em plenário se “Kátia dos Animais de Rua”, como é conhecida a vereadora, ficava com parte dos salários de seis ex-funcionários do gabinete.

Em tempo de golpe de vices e afins, a vereadora reage à denúncia dizendo que se trata de armação do suplente.

O primeiro suplente é o ex-vereador Zé Maria (SD), que fez 3496 votos nas eleições de 2016.

Comentários encerrados.