Prisão de Geddel desgraça Temer na Câmara

Nas vésperas de a Câmara votar o pedido do STF para investigar Michel Temer, a prisão do ex-ministro e amigo Geddel Vieira Lima (PMDB-BA) caiu como bomba para os aliados do ilegítimo.

Para colocar mais lenha na fogueira, os eleitores fazem um cerco aos deputados que analisarão no plenário — se passar na CCJ — a admissibilidade da ação penal contra Temer.

Preocupados com a própria reeleição, em 2018, os parlamentares podem atirar Temer ao mar sem dó nem piedade.

Comentários encerrados.