Gleisi: “Eleição sem Lula é fraude à democracia brasileira”; assista ao vídeo

Publicado em 6 julho, 2017
Compartilhe agora!

A senadora Gleisi Hoffmann, na cerimônia de posse na presidência nacional do PT, na noite desta quarta-feira (5), afirmou que uma eleição presidencial sem Lula não é eleição, é fraude à democracia brasileira. “Não é uma sentença de juiz de primeira grau vai inviabilizar o processo democrático, deixando Lula fora da eleição”, advertiu.

Gleisi afirmou que sua gestão será para defender Lula. “Nós temos que dizer em alto e bom som que uma eleição presidencial sem Lula não é eleição, é fraude à democracia brasileira.”

“Não vamos descansar um minuto para fazer a sua defesa, presidente Lula. Não pensem eles que uma sentença de um juiz de primeiro grau vai inviabilizar o processo democrático, deixando Lula de fora das eleições. Nós temos que dizer em alto e bom som que uma eleição presidencial sem Lula não é eleição, é fraude à democracia brasileira. Que Lula não é mais candidato do PT à Presidência, é candidato de uma parcela expressiva do povo brasileiro, daqueles que querem que o Brasil seja reconstruído e que a gente continue a nossa política de mudança”, apontou Gleisi Hoffmann.

Liberdade para Vaccari

O presidente da CUT Brasil Vagner Freitas, durante o evento de ontem à noite, também deu seu recado ao dedicar sua fala ao ex-secretário de Finanças do PT, João Vaccari, declarado inocente pelo TRF-4, mas mantido preso pelo juiz Sérgio Moro.

“Estou dedicando minha fala e minha militância a um companheiro que é um orgulho desse partido, e que é um guerreiro do povo brasileiro, que injustamente foi preso e que agora foi inocentado de todas as denúncias. E, numa atitude lamentável do senhor Moro, continua preso. Liberdade para Vaccari. Vamos continuar pressionando para que a justiça seja feita”.

Compartilhe agora!

Comments are closed.