Por Esmael Morais

Rocha Loures fica em silêncio no depoimento à PF. Até quando?

Publicado em 09/06/2017

Rodriguinho, como é chamado, foi filmado pela PF carregando uma mala com R$ 500 mil de propina.

Segundo o delator Joesley Batista, dono da JBS, e agentes da PF, o dinheiro seria destinado ao ilegítimo Michel Temer.

Embora tenha mantido o silêncio no depoimento, a pressão é intensa para que Rocha Loures adira à delação premiada.

Antes, porém, a defesa espera que Temer se livre da cassação no TSE e cause uma reviravolta na Lava Jato.

Considerado homem de confiança do ilegítimo Michel Temer, Rodriguinho está preso na Papuda.

O ex-deputado é também classificado pelo Palácio do Planalto como “homem-bomba”.