Por Esmael Morais

“Me pisa, que eu gamo” – A relação masoquista do Sistema S

Publicado em 07/06/2017

A entidade do Sistema S continua fiel ao golpe do ilegítimo Michel Temer, que desgraça a economia nacional, e submissa a Beto Richa, que quebrou e deixa roubar o Paraná.

Sem consumo interno no estado e no país, em virtude do desemprego de 14 milhões de trabalhadores, a indústria automobilística respira devido às exportações.

De acordo com dados da própria Fiep, os setores de edição e impressão sofreram a maior queda do último ano (-30,05%), seguido dos têxteis (-29,87%) e do vestuário (-25,85%).

Mas a Fiep continua firme e forte com Temer e Richa.

E os industriais? Bem, eles são apenas um detalhe…

Portanto, conclui-se: é muito amor envolvido.