Por Esmael Morais

Doria é pivô de crise entre filho de Ratinho e Beto Richa

Publicado em 04/05/2017

Dizem por aí que ciúmes entre homens é pior do que de mulher. Em política, multiplique-se a “dor de corno” por 10 para saber o potencial de estrago.

Dito isto, o filho do apresentador Ratinho, o ainda secretário de Estado do Desenvolvimento Urbano, Ratinho Junior (PSD), furou o cerco no PSDB do Paraná e foi gravar um vídeo com Doria na capital paulista. É bom frisar que o prefake paulistano não um voto sequer no Paraná.

Pois bem, os guardiões Sergio Kobayashi e Fabrício Macedo, que até então tinham o acesso a Doria, não ficaram nem um pouco felizes com a ousadia dos Ratinhos. Mas eles surtaram mesmo quando souberam que Beto Richa fora liminarmente “cortado” do vídeo.
Na saudação, o prefake João Doria cita expressamente o governador Beto Richa, no entanto, a equipe de Ratinho Junior não titubeou em “lima-lo” do vídeo.

Ato contínuo, o governador Beto Richa mandou seu líder Luiz Claudio Romanelli (PSB) intensificar as articulações com Osmar Dias (PDT), o irmão de “Abel”, para que o mesmo seja o representante do grupo na disputa pelo Palácio Iguaçu.