URGENTE: Temer pode renunciar às 16 horas; tchau, querido